Pesquisar neste blog

20 de out de 2013

A perseguição aos cristãos e o silêncio da mídia

No mundo inteiro vários líderes, desde a Ângela Merkel até o Vladimir Putin, têm se levantado para denunciar a perseguição religiosa que os cristãos tem sofrido. Livros têm sido escritos e reportagens sendo feitas mostrando os mais de 100.000 mortos anuais. Cristãos são baleados no Quênia, explodidos no Paquistão, e decapitados na Síria, apenas pelo crime de seguirem a Cristo! E isso só no último mês! E no Brasil não sai sequer uma mísera reportagem sobre isso na grande mídia, ou quando sai, não informam que o ataque foi dirigido a cristãos. As principais reportagens aqui são sobre supostos pastores ladrões e padres pedófilos. Alguém ainda tem dúvida de que nossa grande mídia é anti-cristã? Quer que desenhe? Há alguma outra maneira de protestar contra isso além de boicotar o jornalismo de massa e buscar fontes alternativas de informação na Internet? Ou vamos continuar sendo cúmplices dando audiência àqueles que militam contra nós?

Abaixo, apenas alguns dos ataques cometidos em Setembro/2013, sem contar a perseguição contínua em locais como a Coréia do Norte onde há milhares de cristãos em prisões:


Terroristas muçulmanos invadem shopping no Quênia para matar cristãos:



Duplo atentado no Paquistão, mais de 70 mortos no maior atentado de que há memória no Paquistão contra cristãosmata dezenas de pessoas à saída de igreja cristã:


Nenhum comentário:

Postar um comentário