Pesquisar neste blog

26 de dez de 2011

O Evangelho de George Whitefield - Steve Lawson

23 de dez de 2011

Não entregue o seu I$aque - Ciro Sanches Zibordi

Falo por parábola.

Um famoso conferencista brasileiro foi convidado para ministrar a Palavra durante três noites a um grande grupo de jovens, em uma terra longínqua, no velho continente. Muito eloquente e persuasivo, ele resolveu discorrer sobre a obediência de Abraão à surpreende ordem divina: “Toma agora o teu filho, o teu único filho, Isaque, a quem amas, e vai ao Moriá; e o oferece-o ali em holocausto sobre uma das montanhas, que eu te direi” (Gn 24.2).

O conferencista internacional fez uma “contextualização” e resolveu chamar Isaque de “a melhor oferta”. “Isaque era o único filho de Abraão. Era o que ele tinha de mais importante nesta terra. Pergunte para o seu irmão: ‘O que você tem de mais importante nesta vida? Qual é a sua melhor oferta?’” — afirmou o pregador, na primeira noite. Ao mesmo tempo que mencionava a fidelidade de Abraão, ele contava experiências de pessoas que deram tudo o que tinham e prosperaram financeiramente.

20 de dez de 2011

Experiências com Deus (Pregação completa) - Paulo Junior

Uma poderosa mensagem sobre a necessidade de um encontro real com Deus. Deus, aviva tua igreja!

17 de dez de 2011

Homem: A Morada de Deus - A. W. Tozer

No profundo interior de cada homem há um lugar sagrado e privado onde habita a misteriosa essência de seu ser. Este profundo lugar é, na realidade, uma parte no homem sem referência a qualquer outra parte da complexa natureza do homem. Ela é o "Eu Sou" do homem, um dom do EU SOU que o criou.

O EU SOU que é Deus não é derivado de ninguém e é auto-existente; o "Eu Sou" que é homem é derivado de Deus e dependente cada momento de Seu criativo fiat para continuação de sua existência. Um é o Criador, Altíssimo sobre todos, ancião de dias, habitando na inacessível luz. O outro é uma criatura e apesar de ser mais privilegiado do que outras, ainda é apenas uma criatura, um pensionista da generosidade de Deus e um suplicante diante de Seu trono.

14 de dez de 2011

Uma Morte Para o Ego, Renda-se a Ele - Paul Washer

Dois trechos de uma pregação maravilhosa sobre vida cristã profunda:
 

11 de dez de 2011

Alerta - Paulo Júnior

“Ninguém de maneira alguma vos engane; porque não será assim sem que antes venha a apostasia, e se manifeste o homem do pecado, o filho da perdição.” (2Tessalonicenses 2.3)

Recentemente os jornais de todo o mundo publicaram uma declaração do Vaticano, vinda do cardeal Peter Turkson, que propôs a criação de um único governo e sistema monetário mundial. O documento de Roma explica que a única solução para a crise financeira e politica mundial seria a criação de tal sistema, pois só assim o mundo escaparia do colapso econômico que está para ocorrer. 

8 de dez de 2011

Por quê eu preciso de outras pessoas se eu já tenho a Jesus? - John Piper

2 de dez de 2011

Quem Está Tocando a Arca? (Pregação completa) - Leonard Ravenhill

29 de nov de 2011

Estamos Experimentando um Avivamento no Brasil? - Augustus Nicodemus Lopes

O termo “avivamento” tem sido usado para designar momentos específicos na história da Igreja em que Deus visitou seu povo de maneira especial, pelo Espírito, trazendo quebrantamento espiritual, arrependimento dos pecados, mudança de vidas, renovação da fé e dos compromissos com ele, de tal forma que as igrejas, assim renovadas, produzem um impacto distinto e perceptível no mundo ao seu redor. Entre os exemplos mais conhecidos está o grande avivamento acontecido na Inglaterra e Estados Unidos durante o século XVIII, associado aos nomes de George Whitefield, João Wesley e Jonathan Edwards. Há registros também de poderosos avivamentos ocorridos na Coréia, China, África do Sul. Há vários livros que trazem o histórico dos avivamentos espirituais mais conhecidos.

“Avivamento” é uma palavra muito gasta hoje. Ela está no meio evangélico há alguns séculos. As diferentes tradições empregam-na de várias formas distintas. O termo remonta ao período dos puritanos (séc. XVII), embora o fenômeno em si seja bem mais antigo, dependendo do significado com que empregarmos o termo. O período da Reforma protestante, por exemplo, pode ser considerado como um dos maiores avivamentos espirituais já ocorridos.

26 de nov de 2011

Onde Estão as Pessoas que Oram? - David Wilkerson

23 de nov de 2011

Ensinando a Palavra de Deus como Mestres Relevantes - Solano Portela

O Mestre Relevante sabe o contexto em que vive e no qual desenvolverá o seu trabalho.

Muitos têm errado por desenvolverem suas práticas e técnicas de educação construídas sobre uma noção tão idealista quanto irreal do que seja a natureza humana. Consideram irrelevante o fator pecado, as astutas ciladas de Satanás e dos servos que procuram confundir, e os desvios impenetráveis e obscuros do homem sem Deus. Falham conseqüentemente, em serem Mestres Relevantes. 

Paulo possuía intensa preocupação em mostrar a Timóteo o contexto no qual viveria e no qual teria de desenvolver a sua missão. Ele não poderia abrigar qualquer pensamento de que não sofreria as terríveis oposições das forças do mal. Nesse sentido, desde a primeira carta que os alertas estavam sendo colocados por Paulo. Em 1 Timóteo 4:1, ele escreve: “Ora, o Espírito afirma expressamente que, nos últimos tempos, alguns apostatarão da fé, por obedecerem a espíritos enganadores e a ensinos de demônios.” No capítulo 3, verso 1, da segunda carta, ele volta ao tema: “Sabe, porém, isto: Nos últimos dias, sobrevirão tempos difíceis...” A Palavra de Deus identifica como “Os Últimos Tempos” a era do Novo Testamento, a Era em que vivemos. Devemos estar alertas a todo tipo de ataque e até de sorrateira infiltração nas igrejas, daqueles que mantêm ensinamentos e estilos de vida incompatíveis com a Fé Cristã. Este reconhecimento do contexto no qual vivemos, fará darmos maior valor à nossa missão e nos preparará para as adversidades, como Mestres Relevantes. 

20 de nov de 2011

À Imagem de Cristo (Pregação completa) - Paulo Junior

14 de nov de 2011

Orar e estar a sós com Deus (pregação completa) - Paul Washer

8 de nov de 2011

Julgamento de Deus - David Wilkerson e Leonard Ravenhill

6 de nov de 2011

Frases 61 - J. I. Packer

"Pode-se conhecer muito sobre a divindade sem haver muito conhecimento de Deus."


"Em sua essência, convicção de pecado é a percepção de que seu relacionamento com Deus está errado."


"O poder salvador da cruz não depende de um acréscimo de fé; trata-se de um poder salvador tão grande que a própria fé flui dele."


"A ira de Deus é sua justiça reagindo contra a injustiça."


"Você nunca precisará mais do que Deus pode suprir."

1 de nov de 2011

O escândalo da Graça - John MacArthur

Parte 1: 


Parte 2: 

26 de out de 2011

A disciplina espiritual e as nossas atividades (pregação completa)- Paul Washer


Mais uma grande mensagem de Paul Washer. Que Deus continue usando seu servo!
 

21 de out de 2011

Frases 60 - Matthew Henry

"Quem sempre se contenta, embora tenha pouco é muito mais feliz, do que aquele que está sempre cobiçando, embora tenha muito."

"Não devemos impor nenhuma condição para a aceitação de nossos irmãos, a não ser as que Deus impôs para aceitá-los."

"Embora a alma piedosa sempre deseje mais de Deus, ela nunca deseja mais do que Deus."

"Esperar em Deus é viver uma vida desejosa de sua pessoa. É deleitar-se em Deus, depender dele e consagrar-se a ele."

19 de out de 2011

A Guerra Invisível (completo) - Steve Lawson

Steve Lawson nos traz uma grande mensagem sobre o livro de Jó e o sofrimento na vida do cristão. Imperdível! 

 

13 de out de 2011

Depressão Espiritual - Martyn Lloyd Jones

Trechos de mensagens de Martyn Lloyd-Jones: 

10 de out de 2011

"O amor une; a doutrina divide". Será? - John Piper

A verdade é a raiz do amor

Menciono em primeiro lugar o exemplo de amor de Jesus, não apenas por ser o primeiro e mais evidente ato de amor observado em suas palavras, mas porque, na época em que vivemos, o amor é quase sempre contrastado com a defesa da verdade. Não é o que Jesus demonstra, nem aqui nem em outro lugar. Se alguém dissesse a Jesus: "O amor une; a doutrina divide", penso que Jesus olharia fundo na alma dessa pessoa e diria: "A doutrina verdadeira é a raiz do amor. Portanto, quem se opuser a ela, destruirá a raiz da unidade".

8 de out de 2011

Frases 59 - Thomas Watson

"A verdadeira água benta não é aquela que o papa esparge, mas a que é destilada dos olhos arrependidos."


"É bom desmascarar os nossos pecados, para que eles não nos desmascarem."


"A Bíblia é a biblioteca do Espírito Santo."


"A Bíblia é uma mina de diamantes, um colar de pérolas, a espada do espírito; um mapa pelo qual o cristão navega para a eternidade; o roteiro pelo qual anda todos os dias; o relógio pelo qual acerta sua vida; a balança com a qual pesa suas ações."



6 de out de 2011

Como Deus pôde Matar Mulheres e Crianças? - John Piper

30 de set de 2011

Arrependimento. Nossa Única Esperança! - David Wilkerson

27 de set de 2011

Por Que Não Aceito os Evangelhos Apócrifos - Augustus Nicodemus Lopes

Vamos iniciar perguntando o que é um “evangelho”. O termo é a tradução da palavra grega euaggelion, “boas novas”, usada a princípio para se referir ao conteúdo da mensagem de Jesus Cristo e dos seus apóstolos. Posteriormente, a palavra veio se referir a um gênero literário específico que nasceu com o Cristianismo no séc. I. Lembremos que o Cristianismo, em termos culturais, ocasionou o surgimento, não somente de novas músicas, mas também de gêneros literários como epístolas e evangelhos.

Esse novo gênero literário tinha algumas características distintas. Incluía obras escritas entre o séc. I e o séc. IV por autores cristãos que giravam em torno da pessoa de Cristo, sua obra e seus ensinamentos. Essas obras reivindicam autoria apostólica ou de alguma outra personagem conhecida da tradição cristã. Reivindicavam também que seu conteúdo remontava ao próprio Jesus.

25 de set de 2011

Frases 58 - Billy Sunday

"Se você não tem alegria na vida cristã, existe vazamento em algum lugar de seu cristianismo."

"Nós temos um Deus que se deleita em impossibilidades."

"Vamos parar de brincar com a religião e fazer algo para trazer o mundo para Cristo."

"Procure elogiar sua esposa, mesmo que isso a amedronte a princípio."

21 de set de 2011

O Trono de Julgamento de Cristo (Pregação Completa) - Leonard Ravenhill

Uma memorável pregação de Leonard Ravenhill, sobre o dia do julgamento. Que Deus levante outros homens como ele em nossos dias! 

18 de set de 2011

O pecado do orgulho no ministério pastoral - Richard Baxter

O orgulho é um pecado que tem interesse demasiado naquilo que temos de melhor, e mais odiento e indesculpável em nós mesmos do que em outros homens. No entanto, prevalece de tal maneira, que condena nossos sermões, escolhe nossa companhia, molda nosso semblante, coloca enunciação e ênfase em nossas palavras. Enche a mente das pessoas com desejos e aspirações e domina a alma com pensamentos invejosos e amargurados. Lança-as contra os que permanecem na sua luz ou contra quem quer que possa eclipsar o brilho de sua própria reputação! Que companheiro constante, que comandante tirano, que inimigo sutil e surpreendente é o pecado do orgulho! Acompanha os homens à loja, ao armazém e ao alfaiate: escolhe o tecido de suas roupas, enfeites e moda. Sem o domínio de tal tirano vício, haveria menos pastores a se ocupar primariamente com cabelos e vestes enfeitadas. 

Quando elabora o sermão, o orgulho vai conosco ao púlpito. Determina o tom da mensagem, anima-nos na entrega e retira dela o que poderia parecer desagradável ainda que necessário, tudo com vistas ao aplauso vão. Em suma, o orgulho obriga aos homens a buscarem a si mesmos, tanto no estudo quanto na pregação. Desse modo, muitos pregadores negam Deus, quando deveriam estar buscando a negação de si mesmos em favor da glória divina. Deveríamos nos perguntar: "O que devo dizer? Como dizer? O que mais agrada ao Senhor e produzirá maior benefício?". No entanto, continuamos perguntando: "O que devo dizer para que pensem que sou homem letrado, exímio pregador e merecedor do aplauso de todos os ouvintes?". 

15 de set de 2011

Paul Washer - Um Marido e Uma Família Bíblica

Mais uma excelente pregação sobre família. 
Para assistir as outras partes basta clicar em "próximo" no final do vídeo: 

12 de set de 2011

Você já nasceu de novo? - J. C. Ryle

Já nasceu de novo? Essa é uma da perguntas mais importantes da vida. Jesus Cristo disse: “aquele que não nascer de novo, não pode ver o reino de Deus” (João 3:3).

Não basta responder: “Pertenço à igreja; suponho que sou cristãos”. Milhares de cristãos nominais não demonstram nenhum dos sinais de terem passado pelo novo nascimento que as Sagradas Escrituras nos proporcionam, muitas delas registradas na Primeira epístola de João.

Não comete habitualmente pecados.

Primeiro, João escreveu: “Qualquer que é nascido de Deus não comete pecado” (1 João 3:9). “todo aquele que é nascido de Deus não vive pecando” (1 João 5:18, Almeida Revisada Imprensa Bíblica)

9 de set de 2011

O Brado do Amaldiçoado - Diversos pregadores



4 de set de 2011

Frases 57 - William S. Plumer

"Deus é tão incomparável quanto imutável. Ele é infinitamente superior ao mais importante arcanjo, assim como esse arcanjo é superior a um verme."


"Não podemos julgar o Senhor segundo regras que aplicamos aos homens ou mesmo a anjos."


"Nossa teologia jamais estará correta enquanto em nossos corações não investirmos Deus de infinito poder e perfeição."


"O caráter de Deus é um todo perfeito e glorioso."

30 de ago de 2011

Casamento & Amor - John Piper, Don Carson, Tim Keller



27 de ago de 2011

Seguindo a Deus de perto - A. W. Tozer


“A minha alma apega-se a ti: a tua destra me ampara” (Sl 63:8.). 

O evangelho nos ensina a doutrina da graça preveniente, que significa simplesmente que, antes de um homem poder buscar a Deus, Deus tem que buscá-lo primeiro.Para que o pecador tenha uma idéia correta a respeito de Deus, deve receber antes um toque esclarecedor em seu íntimo; que, mesmo que seja imperfeito, não deixa de ser verdadeiro, e é o que desperta nele essa fome espiritual que o leva à oração e à busca.

Procuramos a Deus porque, e somente porque, Ele primeiramente colocou em nós o anseio que nos lança nessa busca. “Ninguém pode vir a mim”, disse o Senhor Jesus, “se o Pai que me enviou não o trouxer” (Jo 6:44), e é justamente através desse trazer preveniente, que Deus tira de nós todo vestígio de mérito pelo ato de nos achegarmos a Ele. O impulso de buscar a Deus origina-se em Deus, mas a realização do impulso depende de O seguirmos de todo o coração. E durante todo o tempo em que O buscamos, já estamos em Sua mão: “... o Senhor o segura pela mão” (Sl 37:24.).

24 de ago de 2011

Dr. Martyn Lloyd Jones Sobre George Whitefield


O dr. Martyn Lloyd Jones nos conta um pouco da história de George Whitefield, um dos maiores pregadores da história da igreja.

18 de ago de 2011

Cristo: O Incomparável - John Edmund Haggai



15 de ago de 2011

Frases 56 - Thomas Fuller


"A ação é o fruto adequado do conhecimento."


"Uma consciência culpada é como um redemoinho, atraindo para si coisas que de outra sorte passariam reto."


"O contentamento consiste não em acrescentar mais combustível, mas em diminuir o fogo;não em multiplicar a riqueza, mas em diminuir os desejos humanos."

10 de ago de 2011

Porque é errado o homossexualismo - John Piper



7 de ago de 2011

Manifesto Cristão - Diversos autores


A maior parte do cristianismo evangélico hoje é fundamentado em clichês. A maior parte do nosso cristianismo vem de músicos que se dizem cristãos, e não da bíblia. A maior parte do que os evangélicos acreditam é ditado pela cultura secular e não pela escritura.

Poucos são os que encontram a porta estreita. Consequentemente, as ideias mais populares possivelmente não são os conceitos mais próximos da verdade bíblica. Nos dias de hoje, desconfie de qualquer “Best-seller”. Desconfie de qualquer um que for sucesso ou um furacão de vendas, simplesmente porque a genuína verdade cristã jamais foi e nunca será “digerida” pelas massas. A maior prova disso, é que mataram o seu autor. Se caiu no gosto da maioria é falso. Lembre-se, Jesus se referiu aos seus verdadeiros seguidores como “pequenino rebanho”.

4 de ago de 2011

Convite a uma vida de sacrifício - Paul Washer


1 de ago de 2011

Livro - A pregação - David Martyn Lloydes



Neste pequeno livreto o Dr. Lloyd-Jones descreve qual a idéia que os puritanos tinham da pregação, e qual a importância dela, e aplica estes conceitos à nossa geração, que infelizmente tem menosprezado o papel central da pregação no culto e na obra de Deus.

Sinopse: Este opúsculo reproduz a palestra proferida pelo Dr. Lloyd-Jones na Conferência Westminster em 1977. A mesma constitui o décimo oitavo capítulo do livro Os Puritanos: suas origens e seus sucessores. Nestes dias de tanta confusão teológica o Dr. Lloyd-Jones nos lembra dos princípios que nortearam a vida e ensinos dos puritanos, os quais o influenciaram tanto. Diz ele: "O meu real interesse (no puritanismo) surgiu em 1925... Desde aquele tempo um verdadeiro e vivo interesse pelos puritanos e suas obras me prendeu, e sou franco em confessar que todo o meu ministério tem sido governado por isso... Não há nada que tanto estimule o verdadeiro ministério da Palavra, pois aqueles homens foram grandes modelos nesse aspecto".
Editora PES

31 de jul de 2011

Frases 55 - Stephen Charnock


"Devemos nossa criação a Deus, e nossa corrupção a nós mesmos."


"Da mesma forma como não pode existir nenhum lugar sem Deus, nenhum lugar pode abranger e conter a Deus."


"A santidade de Deus está em sua glória, em sua graça e em suas riquezas."


"Ser Deus e ser soberano são coisas inseparáveis."

26 de jul de 2011

A volta de Jesus - David Wilkerson


24 de jul de 2011

O Método da Evangelização Moderna versus o Método Puritano - Joel Beeke


Raízes da evangelização moderna

A fim de compreendermos estes dois pensamentos (o método da evangelização Puritana e a disposição interna do coração) precisamos contrastá-los com a evangelização moderna. Só assim poderemos apreciar o aspecto característico da evangelização puritana. Para isso vamos voltar um pouco ao século XIX para considerarmos as raízes da evangelização moderna.

A evangelização moderna tem as suas raízes nos anos 1820 sob a liderança de Charles Finney, que frequentemente é chamado de "o pai" da evangelização moderna. Finney foi criado em Nova Iorque e tinha o grau de advogado. Começou sua prática como advogado nos anos de 1820 em Nova Iorque. No ano seguinte teve uma experiência religiosa muito profunda e isso o influenciou para que deixasse seu escritório de advocacia e se dedicasse inteiramente ao ministério. Foi ordenado pastor presbiteriano em 1824 e por 8 anos liderou eventos e reuniões de avivamento no leste dos E.U.A. Por quatro anos trabalhou como pastor em Nova Iorque e nos últimos quarenta anos de sua vida foi professor na Universidade de Oberlin no estado de Ohio. Através dessas décadas ele continuou fazendo reuniões de avivamento. Ele inventou aquilo que se chama de "novas medidas" para avivamento que incluem: (a) reuniões com muita emoção e (b) o banco dos "ansiosos". Eram reuniões evangelísticas caracterizadas por uma atividade intensa, que duravam dois ou três dias e nos quais Finney pregava duas vezes ao dia. O banco dos "ansiosos" era o primeiro banco da igreja que era deixado vazio para que as pessoas ansiosas pudessem vir e se assentar ali, recebendo uma ministração individual. No final dos seus sermões Finney diria: "Aqui está o banco dos "ansiosos", se vocês estiverem do lado do Senhor, venham à frente." Hoje a evangelização de massa, é um desenvolvimento das chamadas "novas medidas" dos avivamentos de Finney.

20 de jul de 2011

Um Sumário de como Matar o Pecado - Tim Conway



19 de jul de 2011

A alma Católica dos Evangélicos no Brasil - Augustus Nicodemus


Os evangélicos no Brasil nunca conseguiram se livrar totalmente da influência do Catolicismo Romano. Por séculos, o Catolicismo formou a mentalidade brasileira, a sua maneira de ver o mundo (“cosmovisão”). O crescimento do número de evangélicos no Brasil é cada vez maior – segundo o IBGE, seremos 40 milhões neste ano de 2006 – mas há várias evidências de que boa parte dos evangélicos não tem conseguido se livrar da herança católica. É um fato que a conversão verdadeira (arrependimento e fé) implica uma mudança espiritual e moral, mas não significa necessariamente uma mudança na maneira como a pessoa vê o mundo. Alguém pode ter sido regenerado pelo Espírito e ainda continuar, por um tempo, a enxergar as coisas com os pressupostos antigos. É o caso dos crentes de Corinto por exemplo. Alguns deles haviam sido impuros, idólatras, adúlteros, efeminados, sodomitas, ladrões, avarentos, bêbados, maldizentes e roubadores. Todavia, haviam sido lavados, santificados e justificados “em o nome do Senhor Jesus Cristo e no Espírito do nosso Deus” (1 Co 6.9-11), sem que isso significasse que uma mudança completa de mentalidade houvesse ocorrido com eles.

14 de jul de 2011

Isso é Amor? - John Piper



12 de jul de 2011

Frases 54 - Thomas Adams


"Assim como pela criação Deus de um fez dois, pelo casamento, ele de dois fez um."


"O céu começa onde o pecado termina."


"Quando Deus omite a correção, entra pelas portas a condenação."

10 de jul de 2011

Como está a situação da igreja evangélica brasileira? - Ciro Sanches Zibordi


Engana-se quem pensa que a igreja evangélica brasileira está vivendo a sua melhor fase! Isso só seria verdade se a Bíblia, a Palavra de Deus, não existisse.
Boa parte da igreja, misturada com o mundo, vem se envolvendo com questões que não são de sua competência, além de pregar um evangelho “contextualizado”, que atrai pessoas para dentro dos templos, mas afasta-as da verdade!

A igreja de hoje não incomoda nem influencia ninguém, a não ser a “igreja da maioria” quanto ao crescimento numérico. Quem defende o evangelho de Cristo hoje, conforme Filipenses 1.16 e Gálatas 1.8, é considerado persona non grata e chamado de cético. Foi o Senhor Jesus também um cético por ter dito "Acautelai-vos dos falsos profetas", em Mateus 7.15?
Devemos aceitar com naturalidade esse evangelho ecumênico, facilitador, pragmático, pregado hoje em dia, cuja máxima é: “O mais importante é o amor que une do que a doutrina que divide”?

7 de jul de 2011

A Dádiva Que Ninguém Quer - Paul Washer



1 de jul de 2011

J.I. Packer - O que é Inferno



26 de jun de 2011

Frases 53 - John Blanchard


"O cristão é chamado para tornar imateriais suas posses materiais."


"Há ocasiões em que o silêncio é ouro, mas há outros em que é pura covardia."


"Há enorme diferença entre atividade e progresso."


"A razão simples, solitária, sublime, que a Bíblia atribui a cada coisa em toda a criação é que ela veio à existência pela vontade de Deus, porque Ele decidiu que deveria existir. Para o incrédulo, nenhuma explicação mais profunda é possível; para o crente, nenhuma é necessária."

24 de jun de 2011

Testemunho de conversão de Nicky Cruz através de David Wilkerson


Nick Cruz era um dos chefes de gangues mais perigosos de Nova Iorque, que converteu durante uma obra de evangelização ousada de David Wilkerson nessa cidade. Vale a pena ver.

21 de jun de 2011

Você Conhece a Deus? - Charles Spurgeon


Aquele que não ama não conhece a Deus. 1 João 4.8

A marca distintiva do crente é seu amor pelo Senhor Jesus e a profundidade de sua afeição por Ele. Primeiramente, a fé capacita a alma a dizer, como o fez o apóstolo: "Vivo pela fé no Filho de Deus, que me amou e a si mesmo se entregou por mim" (Gaiatas 2.20).

Depois, o amor oferece a sua gratidão e, em retorno, manifesta-se para com Jesus. "Nós amamos porque ele nos amou primeiro" (1 João 4.19). Nos dias da igreja primitiva, que foi a época de heróis da fé cristã, esta marca dupla foi vista claramente em todos os crentes em Jesus.

13 de jun de 2011

Frases 52 - Richard Sibbes

"A maneira de cobrir nosso pecado é descobri-lo pela confissão."

"O cristão é uma pessoa estranha. Ele está tanto morto como vivo, é miserável e glorioso... Dirige-se para baixo e para cima ao mesmo tempo; pois, à medida que ele morre para o pecado e miséria, e a morte natural aproxima-se, vive a vida da graça e cresce cada vez mais até alcançar a glória."

"Deus é; se Ele não fosse, coisa alguma poderia ser."

11 de jun de 2011

A importância da pregação e como pregar - Augustus Nicodemus



5 de jun de 2011

A escravidão de buscar o louvor dos homens - Paul Washer


30 de mai de 2011

Cosmovisões fracas produzem cristãos fracos



28 de mai de 2011

Frases 51 - Matthew Henry


"Quando deixamos passar despercebidas nossas boas obras, Deus, certamente, as observa mais."


"O Senhor conhece pelo nome aqueles que são seus, mas nós os reconhecemos pelo caráter."


"Uma certeza bem firmada do céu e da felicidade, em vez de encher o homem com orgulho, irá torná-lo e mantê-lo verdadeiramente humilde."


"É certo que todos os que vão para o céu de agora em diante começam seu céu aqui e já têm o coração ali."

26 de mai de 2011

Livro - Esse cristão incrível - A. W. Tozer


Este livro é uma coletânea de diversos artigos de A. W. Tozer sobre vida cristã em geral. Uma grande contribuição para o nosso crescimento espiritual.

Sinopse:
Esse cristão incrível é uma coletânea de artigos de A. W. Tozer, um daqueles escritores que, como poucos, consegue articular as características da fé cristã com tamanha força e simplicidade que não nos permite fi car impassíveis diante do maravilhoso sentimento de pertencer a Deus.
Tozer apresenta paradoxos da vida cristã que deixam perplexo o mundo: o cristão verdadeiro se fortalece quando se sente fraco; está disposto a perder a vida para salvá-la; preserva a alegria mesmo em meio à tristeza; é rico embora possua pouco. Nunca perde o otimismo, pois sabe que a fé tem dimensões eternas.
Passados mais de 40 anos, o texto de Tozer continua incrivelmente atual. Seu exemplo de vida e a riqueza de sua pregação e obra literária são fontes de inspiração para os cristãos do século XXI.
Publicado por: Editora Mundo Cristão

23 de mai de 2011

O Verdadeiro Evangelho - Paul Washer


Você sabe mesmo o que é o evangelho? Aqui está uma exposição do evangelho para crentes, por Paul Washer. Raramente encontramos mensagens tão contundentes como esta.
Para assistir as outras partes basta clicar em "próximo" no final do vídeo:

20 de mai de 2011

A Religião Evangélica - J. C. Ryle

A Religião Evangélica

Manifesto escrito por
John Charles Ryle
1º Bispo da Diocese da Igreja da Inglaterra de Liverpool.
"para aprovardes as coisas excelentes" (Fp 1:10)


I. PRINCÍPIOS Evangélicos



1. A supremacia absoluta das santas Escrituras
Nos mostre qualquer coisa, escrita claramente, naquele Livro, nós o receberemos, acreditaremos, e nos submetermos a isso. Nos mostre qualquer coisa contrária àquele Livro, e ainda que seja sofisticado, plausível, bonito e aparentemente desejável, não o teremos por nada.

2. A doutrina do pecado e corrupção humanas
O homem está radicalmente doente. Eu creio que a ignorância da extensão da Queda, e de toda a doutrina do pecado original, é uma das grandes razões porque tantos não podem nem entender, apreciar, nem receber a Religião Evangélica.

17 de mai de 2011

O que é a regeneração? - John Piper


15 de mai de 2011

Frases 50 - E. M. Bounds


“Por mais erudito que um homem seja, por mais perfeita que seja sua capacidade de expressão, mais ampla sua visão das coisas, mais grandiosa sua eloqüência, mais simpática sua aparência, nada disso toma o lugar do fervor espiritual. É pelo fogo que a oração sobe aos céus. O fogo empresta asas à oração, dando-lhe acesso a Deus; comunica-lhe energias e torna-a aceitável diante do Senhor. Sem fogo não há incenso; sem fervor não há oração.”


“O amor arde como fogo, e sobrevive à base de calor. O ar que a verdadeira experiência cristã respira e o pão de que ela se alimenta são feitos de chama. E ela suporta qualquer coisa, menos uma chama fraca. E quando a atmosfera que a cerca é fria ou morna, morre congelada ou à míngua. Não há oração verdadeira sem chamas”.

14 de mai de 2011

Os Métodos de Crescimento de Igrejas (MCI)


Nestes últimos anos tem crescido no Brasil o número de igrejas que adotaram os Métodos de Crescimento de Igrejas (MCI). Em sua maioria importadas dos EUA, essas técnicas têm se mostrado eficazes em encher os templos de lá já há muitos anos, daí a existência de muitas mega-igrejas (igrejas com dezenas de milhares de membros) por lá. E aqui nas terras tupiniquins, os MCI já têm mostrado resultados.


Mas afinal, como surgiram os MCI?


Nos EUA, há algumas décadas, existem grandes parcerias, onde de um lado se encontram: seminários teológicos (geralmente apóstatas), pastores e líderes eclesiásticos em geral, e do outro: empresas de consultoria especializadas em marketing e administração de empresas. Estes consultores analisam uma igreja como se fosse uma empresa (o membro como um cliente, o pastor como um gerente administrativo, as atividades da igreja - louvor, pregação etc - como o produto a ser vendido, os dízimos e as ofertas como lucro) e desenvolvem um modelo de gestão com foco no resultado: a fidelidade do membro. O modelo dita qual mensagem a ser pregada, qual o tipo de música a ser tocada e por quanto tempo, quais os tipos de atividades a serem desenvolvidas, como deve ser o culto, enfim, define todas as atividades da igreja. O modelo de gestão é então vendido ao pastor para adotá-lo em sua igreja, que agora passa a crescer “exponencialmente”. O modelo é então disseminado através de cursos, palestras e livros (nossas livrarias evangélicas estão repletas destes livros) com os nomes mais criativos, do tipo: "a visão de Deus para a igreja de hoje". É claro que a fonte da estratégia geralmente não é citada. Pastores brasileiros vão aos EUA fazer esses cursos e trazem-no para o Brasil. Existem também os pastores conferencistas especialistas em crescimento de igrejas, que viajam pelo mundo ensinando suas técnicas. E quando se trata de encher igrejas, elas realmente são um sucesso!

10 de mai de 2011

Revestidos de Cristo - 2 sermões completos - Paul Washer


Maravilhoso! Saiba mais sobre vida cristã verdadeira.
Paul Washer dividiu o sermão para ser pregado em 2 cultos. Cada parte foi dividida em 5 vídeos no Youtube. Este é o primeiro (o sermão da manhã). Para assistir as outras partes basta clicar em "próximo" no final do vídeo::


Este outro é o primeiro vídeo da segunda parte (o sermão da noite). Para assistir as outras partes basta clicar em "próximo" no final do vídeo::


7 de mai de 2011

Só o que Deus revelou basta - Charles H. Spurgeon


Só o que Deus revelou basta


Não precisamos de nada mais do que aquilo que Deus achou por bem revelar. Certos espíritos errantes nunca estão em casa até que estejam viajando pelo exterior: têm fome de algo que nunca encontrarão "no céu, na terra, ou nas águas debaixo da terra" (Êx 20.4) enquanto tiverem o pensamento que têm agora. Nunca descansam, porque não querem ter nada que ver com uma revelação infalível, por isso, eles estão fadados a perambular através do tempo e da eternidade e a não encontrar nenhuma cidade em que possam descansar. Pois, no momento, eles se gloriam como se satisfeitos com seu último brinquedo novo, mas em poucos meses o esporte deles será quebrar em pedaços todas as noções que anteriormente prepararam com cuidado e exibiram com deleite. Sobem um morro apenas para descê-lo de novo. De fato, dizem que a busca da verdade é melhor do que a própria verdade. Gostam de pescar mais do que do peixe; o que pode bem ser verdade, visto que seus peixes são muito pequenos e cheios de ossos.

4 de mai de 2011

O Tesouro do Evangelho - John Piper


2 de mai de 2011

Frases 49 - João Calvino


"Cristo é o fim da lei e a suma do Evangelho.”

"A fé verdadeira é aquela que ouve a Palavra de Deus e descansa em Suas promessas."

"O primeiro fundamento da justiça é sem dúvida a adoração a Deus."

28 de abr de 2011

Faleceu ontem (27-04-2011) David Wilkerson



"Preciosa é à vista do SENHOR a morte dos seus santos." Sl 116:15

Foi com muita tristeza que recebi a notícia da morte do reverendo David Wilkerson. O pastor morreu ontem em um acidente de trânsito.
David Wilkerson foi uma voz profética em nossos tempos. Trabalhou muitos anos na recuperação de viciados e moradores de rua. Era pastor fundador da Igreja de Times Square em Nova York (com mais de 8.000 membros). Ficou conhecido por seu livro "A cruz e o punhal" e pelos sermões denunciando o mundanismo e as falsas manifestações espirituais na igreja. Um exemplo de amor, fé e piedade.
Agora terminou seu combate. Está em seu merecido descanso com o Senhor, recebendo dEle a sua coroa. Deus está enxugando dos seus olhos toda a lágrima.

"Combati o bom combate, acabei a carreira, guardei a fé. Desde agora, a coroa da justiça me está guardada, a qual o Senhor, justo juiz, me dará naquele dia; e não somente a mim, mas também a todos os que amarem a sua vinda." II Tm 4:7-8

Deixo para reflexão o comentário de um pastor sobre seu falecimento:
Os nossos bons referenciais estão indo embora. Que rastro estamos deixando, nós, que paulatinamente assumimos o lugar de cada um deles?

Que Deus nos envie outros David Wilkerson(s)...

Segue abaixo a última devocional escrita por David Wilkerson:

27 de abr de 2011

Leonard Ravenhill - Biografia



24 de abr de 2011

A necessidade da santidade no ministério pastoral - Richard Baxter

Atentem que não estejam vazios da mesma graça salvadora de Deus que oferecem a outros, alheios à operação efetiva do evangelho que pregam, para que, enquanto proclamam ao mundo a necessidade de um Salvador, seu próprio coração não seja negligenciado e acabem perdendo o interesse no próprio Senhor e em sua obra. Cuidem que não pereçam, morrendo de fome enquanto preparam o alimento para o povo...

Ser um professor não-santificado já é uma grande temeridade; mas, pior ainda, é ser um pregador não-santificado. Os senhores não temem que, ao abrir a Bíblia, leiam a sua própria sentença de morte? Não temem que, ao preparar o sermão, estejam escrevendo a acusação de sua própria alma? Quando argumentam contra um pecado, acaso não fazem aumentar a gravidade de sua própria condição? A proclamação das insondáveis riquezas de Cristo e sua graça não anuncia sua própria iniqüidade, caso a rejeitem e evitem? Como os senhores poderão persuadir os homens a aceitar Cristo, conduzi-los do mundo para uma vida de fé e santidade, se eles mesmos, despertada a consciência, discernirão também a confusão interior de quem lhes fala? Muitos, ao falar do inferno, falam da própria herança; ao descrever as alegrias do céu, descrevem a própria miséria, pois não têm direito à "herança dos santos em luz". O que poderá ser dito que não seja contra a própria alma?

21 de abr de 2011

Deus não está restrito ao tempo - C. S. Lewis



19 de abr de 2011

Frases 48 - Charles H. Spurgeon


"A Palavra de Deus tem sido suficiente para interessar e abençoar a alma humana ao longo dos tempos; as novidades, todavia, rapidamente perecerão."


"Alguém conhece ou já ouviu falar sobre alguma conversão, senão a que está na Palavra?"


"Se há na Bíblia algum fato, ou alguma doutrina, ou promessa, que não tenha causado um efeito prático no seu temperamento ou no seu comportamento, fique ciente de que você não creu nisto verdadeiramente." (Spurgeon citando Payson)

17 de abr de 2011

Livro - A Maior Luta do Mundo - Charles H. Spurgeon



Em um dos seus últimos sermões, numa conferência para pastores, Spurgeon prega sobre a importância das Escrituras (infalível e insubstituível), sobre o amor à igreja e sua santidade, e sobre a dependência do Espírito Santo para o ministério. Excelente livro! 

Sinopse:
No ano anterior à sua morte, em 1892, Spurgeon proferiu um sermão, em uma conferência, ao qual intitulou de "A Maior Luta do Mundo". Conforme suas próprias palavras, Spurgeon apresentou assim a sua pregação: “Os temas por mim tratados têm relação à obra de nossa vida: a cruzada contra o erro e o pecado, na qual estamos envolvidos. Espero que todos aqui se revistam da cruz em seu coração, e estejam empenhados em trabalhar e enfrentar perigos por Cristo e por sua cruz, e não descansem enquanto não virem a derrota de todos os inimigos de Cristo e a plena satisfação da vontade dEle. Os nossos pais costumavam falar sobre ‘a Causa de Deus e da Verdade’. Realmente, é por este motivo que estamos armados, os poucos contra os muitos, os fracos contra os fortes.”
Editora Fiel

14 de abr de 2011

Plena Satisfação em Deus, partes 7 e 8 (final) - John Piper


11 de abr de 2011

Cinco Votos para Obter Poder Espiritual - A. W. Tozer


Afirmações para o Reavivamento Pessoal

Algumas pessoas rejeitam a idéia de fazer votos, mas na Bíblia você en­contrará muitos grandes homens de Deus que foram dirigidos por alianças, pro­messas, votos e compromissos. O salmista não era avesso a fazer votos. "Os votos que fiz, eu os manterei, ó Deus", disse ele. "Render-te-ei ações de graça" (Sl 56.12).

Meu conselho nessa questão é que se você está realmente preocupado com seu avanço espiritual - a obtenção de novo poder, nova vida, nova alegria e novo reavivamento pes­soal dentro de seu coração -, será bom fazer certos votos e empenhar-se por cumpri-los. Se você falhar, prostre-se em humilhação, arrependa-se e comece novamente, mas sem­pre leve em consideração os votos feitos. Eles irão ajudar a harmonizar seu coração com os vastos poderes que fluem do trono onde Cristo está assentado, à destra de Deus.

8 de abr de 2011

O que é ser cheio do Espírito Santo? - Paulo Junior



6 de abr de 2011

Frases 47 - Leonard Ravenhill


"Ah, irmãos pregadores, nós apreciamos imensamente os grandes santos de Deus do passado, os nossos missionários, mártires, reformadores, como Lutero, João Bunyan, Wesley, etc. Nós escrevemos as biografias deles, reverenciamos seus feitos, compomo-Ihes elogios e erguemo-lhes memoriais. Fazemos qualquer coisa, menos imitá-los. Apreciamos o sangue que eles derramaram, mas não deixamos que se derrame nem uma gota do nosso!"

"Hoje em dia, estamos contaminados por um terrível mal: os pastores estão mais preocupados em encher a cabeça de conhecimentos do que ter um coração em chamas."

4 de abr de 2011

Livro - O Evangelho de Hoje: Autêntico ou Sintético? - Walter J. Chantry


Este livro nos mostra o quanto a maior parte da igreja de hoje se distanciou do evangelho bíblico. Ele faz uma exposição do evangelho com base no encontro de Jesus com o jovem rico, e ao mesmo tempo uma comparação do evangelho pregado por Jesus com o  "evangelho" pregado em muitas igrejas hoje. O autor consegue ser ao mesmo tempo simples, claro e profundo.

Sinopse:
“A não ser que nossas igrejas redescubram o caminho da salvação, pesquisando honestamente a Palavra de Deus, o protestantismo evangélico se enforcará num emaranhado de tradição humana... unidade não deve ser procurada às custas do evangelho.” Esta é a análise e o desafio que Walter J. Chantry nos entrega em O Evangelho de Hoje: Auténtico ou Sintético?
Editora Fiel

1 de abr de 2011

O Amor de Deus - David Wilkerson



29 de mar de 2011

A Falta da Verdadeira Piedade - L. R. Shelton, Jr.


Examinemos juntos, de novo, Mateus 7.21, onde nosso Senhor nos diz em palavras assustadoras:
“Nem todo o que me diz: Senhor, Senhor! Entrará no reino dos céus, mas aquele que faz a vontade de meu Pai que está nos céus”. Este trecho do Sermão da Montanha é muito perscrutador e solene, porque aqui o Senhor Jesus Cristo – Aquele que conhece cada pensamento e imaginação do coração, e diante de cujos olhos penetrantes todas as coisas ficam desnudas e abertas – deixa muito claro que para Ele os protestos de devoção somente verbais não valem nada.

Ele nos diz que até mesmo as ações mais graciosas não valem nada quando falta a piedade vital e prática. Declara que aqueles que têm uma forma de piedade, mas que desconhecem seu poder transformador, estão enganados, e que serão repudiados no Dia do Juízo.

27 de mar de 2011

Como Reformar uma Igreja - Paul Washer



26 de mar de 2011

Frases 46 - A. W. Tozer


"Todas as razões de Deus provêm do interior de seu ser não-criado. Nada, desde a eternidade, entrou no ser de Deus, nada foi removido e nada mudou."


"A harmonia do ser divino é resultado não de um equilíbrio perfeito de suas partes, mas da inexistência de partes."


"O recém-convertido é semelhante a um homem que aprendeu a dirigir em um país cujo tráfego orienta-se pelo lado esquerdo da rodovia e repentinamente encontra-se em outro país, forçado a dirigir à direita. Ele precisa desaprender o velho hábito e aprender o novo e, o que é mais sério, precisa aprender isso no meio do trânsito pesado."


"O propósito que está por trás de toda doutrina é garantir a ação moral."

13 de mar de 2011

Por que na Bíblia Deus focaliza tanto a atenção em Si mesmo? - John Piper


11 de mar de 2011

Frases 45 - Charles Henry Mackintosh


"Nada que não seja decorrente do amor pessoal a Cristo e da comunhão com Ele pode ter algum valor. Podemos saber de cor as escrituras, pregar com eloqüência e fluência considerável, com uma fluidez que as pessoas podem facilmente até confundir com poder de Deus. Mas não devemos nos enganar, se nossos corações não beberem profundamente da fonte principal, se o que nos incentiva não é o amor de Cristo que brota de uma realidade prática, o resultado de tudo isso será algo fugaz, passageiro!

9 de mar de 2011

Deus: a nossa melhor recompensa - Jonathan Edwards


O redimido tem todos os seus bons objetivos em Deus. Deus, ele mesmo, é a melhor recompensa alegremente obtida através da redenção. Ele é o maior presente, e a soma de todos os bens comprados por Cristo.

Deus é a herança dos santos; ele é a porção de suas almas. Deus é sua fortuna e o seu tesouro, seu alimento, sua vida, seu lugar de morada, seu ornamento e diadema, e sua honra e glória eternal.

Os santos não têm nada no céu a não ser Deus; Ele é a melhor recompensa que o redimido receberá após a morte, e com quem estaremos quando chegar o fim do mundo.

6 de mar de 2011

O Evangelho - Mark Driscoll



3 de mar de 2011

Arrepender ou Perecer - A. W. Pink


Estas foram as palavras do Filho encarnado de Deus. Elas nunca foram canceladas; e não serão, enquanto este mundo durar. O arrependimento é absoluto e necessário se é para o pecador fazer paz com Deus (Isaías 27:5), porque arrependimento é o lançar fora as armas da rebelião contra Ele. O arrependimento não salva, todavia nenhum pecador jamais foi ou será salvo sem ele. Nada senão Cristo salva, mas um coração impenitente não pode recebê-LO.

Um pecador não pode crê verdadeiramente até que ele se arrependa. Isto é claro a partir palavras de Cristo concernente o Seu precursor, "Pois João veio a vós no caminho da justiça, e não lhe deste crédito, mas os publicanos e as meretrizes lho deram; vós, porém, vendo isto, nem depois vos arrependestes para crerdes nele" (Mateus 21:32). Isso é também evidente a partir de Sua chamada como trombeta em Marcos 1:15, "Arrependei-vos, e crede no evangelho". Isto é o porque o apóstolo Paulo testificava "o arrependimento para com Deus e a fé em nosso Senhor Jesus" (Atos 20:21). Não faça confusão neste ponto querido leitor, Deus "ordena agora que todos os homens em todo lugar se arrependam" (Atos 17:30).

1 de mar de 2011

Arrependimento Bíblico - Tullian Tchividjian


27 de fev de 2011

Frases 44 - Charles Spurgeon


"Será que um homem que ama o seu Senhor estaria disposto a ver Jesus vestindo uma coroa de espinhos, enquanto ele mesmo almeja uma coroa de louros? Haveria Jesus de ascender ao trono por meio da cruz, enquanto nós esperamos ser conduzidos para lá nos ombros das multidões, em meio a aplausos? Não seja tão fútil em sua imaginação. Avalie o preço e, se você não estiver disposto a carregar a cruz de Cristo, volte à sua fazenda ou ao seu negócio e tire deles o máximo que puder, mas permita-me sussurrar em seus ouvidos: “Que aproveita ao homem ganhar o mundo inteiro e perder a sua alma?"

24 de fev de 2011

Uma Exploração da Fé - Entrevista do Rev. Hernandes Dias Lopes ao Jornal A Gazeta


O pastor da Primeira Igreja Presbiteriana de Vitória, Hernandes Dias Lopes, é taxativo: o protestantismo no Brasil precisa passar por uma nova reforma. Na avaliação dele, as igrejas evangélicas se desviaram da verdade e vêm utilizando as Escrituras Sagradas para interesses e conveniências pessoais.

Entre eles estariam os milagres, as curas, a prosperidade. "Hoje as pessoas se aproximam de Deus não pelo que Ele é, mas pelo que dá. Desejam o que funciona, o que dá certo, o que permite tirar proveito", pontua Lopes.

Parte dessas igrejas, destaca o pastor, é liderada por pessoas que ficam ricas ao explorarem a inocência dos fiéis. "A maioria sem nenhum preparo cultural e moral", diz Lopes. E quando a igreja se afasta dos princípios do Cristianismo, observa o líder dos presbiterianos, "a vida começa a ficar errada: aparecem as dificuldades, os problemas familiares, a depressão, as drogas". Para ele, o caminho para contornar essa exploração é vencer o analfabetismo bíblico. É conhecer a verdade na fonte, nas Escrituras Sagradas. "Quando falta o conhecimento, as pessoas caem na rede das maiores loucuras, das maiores heresias, dos enganos mais sutis da religiosidade", lembra Lopes.

21 de fev de 2011

O que nos impede de orar - John Piper


18 de fev de 2011

As Divisões nem Sempre são Más - A. W. Tozer


Quando unir-se e quando dividir-se, eis a questão, e uma res­posta abalizada exige a sabedoria de um Salomão.

Alguns resolvem o problema de maneira simples e prática: Toda união é boa e toda divisão é má. Muito fácil. Mas esta ma­neira simplista de tratar do assunto ignora as lições de história e se esquece das profundas leis espirituais que regem a vida do homem.

Se os homens bons desejassem a união e os maus a divisão, ou vice-versa, isso simplificaria as coisas para nós. Ou se pudesse ser mostrado que Deus sempre une e o diabo sempre divide, seria fácil encontrar nosso caminho neste mundo confuso. Mas as coisas não são assim.

Dividir o que deve ser dividido e unir o que deve ser unido faz parte da sabedoria. A união de elementos heterogêneos jamais é boa mesmo que possível, nem a divisão arbitrária de elementos se­melhantes. Isto se aplica certamente tanto às coisas morais e reli­giosas, como às políticas e científicas.

15 de fev de 2011

Por que eu abomino o evangelho da prosperidade? - John Piper


12 de fev de 2011

Frases 44 - Richard Sibbes


"Somos o que amamos, não o que sabemos."


"O auto-esvaziamento prepara o transbordamento espiritual."


"Ninguém mais do que Deus é necessário para assegurar-nos o amor de Deus."


"A água não se perde quando é despejada no mar, pois ali ela está em seu próprio ambiente. O cristão não se perde quando se lança sobre seu Senhor, sobre seu Salvador."

10 de fev de 2011

Cristianismo de Entretenimento! - John MacArhtur


A igreja pode enfrentar a apatia e o materialismo satisfazendo o apetite das pessoas por entretenimento? Evidentemente, muitas pessoas das igrejas pensam assim, enquanto uma igreja após outra salta para o vagão dos cultos de entretenimento.

Uma tendência inquietante está levando muitas igrejas ortodoxas a se afastarem das prioridades bíblicas.

O que eles querem

Os templos das igrejas estão sendo construídos no estilo de teatros. Ao invés de no púlpito, a ênfase se concentra no palco. Alguns templos possuem grandes plataformas, que giram ou sobem e descem, com luzes coloridas e poderosas mesas de som.

Os pastores espirituais estão dando lugar aos especialistas em comunicação, aos consultores de programação, aos diretores de palco, aos peritos em efeitos especiais e aos coreógrafos.

8 de fev de 2011

Persevere em Oração - Paul Washer


Esta pregação é uma das mais edificantes que já ouvi do Paul Washer. Uma benção! Que Deus continue usando este homem poderosamente! Abaixo você encontra a primeira das cinco partes. Para assistir as outras partes basta clicar em "próximo" no final do vídeo.

>

6 de fev de 2011

O Apóstolo Pródigo - Augustus Nicodemus Lopes


Estudando Paulo para dar aulas esta semana, percebi mais um aspecto interessante do apóstolo que o distancia dos apóstolos modernos. Ao contrário dos tais apóstolos que se lançam para fazer carreira solo e ter seu próprio ministério, Paulo sempre fez questão de mostrar que ele fazia parte do grupo apostólico de sua época, embora tivesse sido chamado para ser apóstolo quando o prazo de matrícula já tinha expirado ("um abortivo", 1Co 15:8).

Se alguns têm uma visão de Paulo como um individualista que seguiu carreira e ministério próprios, isto se deve, em parte, à Igreja Católica que colocou Pedro acima dos demais apóstolos e portanto longe de Paulo. Os liberais também contribuíram para isto, quando fizeram de Pedro o líder do Cristianismo judaico da Palestina e Paulo o líder do Cristianismo gentílico de Antioquia, em constante tensão e hostilidade mútuas.

4 de fev de 2011

Filipenses: O Guia do Rebelde Para a Alegria - Mark Driscoll


O vídeo está dividido em 5 partes. As outras 4 você encontra no You Tube.

2 de fev de 2011

Frases 43 - Matthew Henry


"Sempre que Deus pretende dar vida, ele dá arrependimento."


"A Bíblia é a carta que Deus nos enviou; a oração é uma carta que enviamos a Ele."


"As Escrituras Sagradas, por serem uma regra tanto de nossos deveres para com Deus como de nossas expectativas a respeito dEle são de muito maior utilidade e benefício para nós do que o dia ou a noite, do que ar que respiramos ou a luz do sol."


"Quanto mais reverência tivermos pela Palavra de Deus, mais alegria encontraremos nela."

31 de jan de 2011

Livro - Nossa Suficiência em Cristo - John MacArthur Jr.


O pastor John MacArthur é um dos maiores apologistas de hoje, e sempre escreve sobre temas contemporâneos. Neste livro, ele trata de temas atuais que têm contaminado a igreja, como a psicologia no lugar da mensagem bíblica, o misticismo na igreja e as técnicas sociais utilizadas para o crescimento de igrejas, ou seja, o pragmatismo. E o mais importante é que ele trata tudo isso de forma bíblica. Recomendadíssimo!

Sinopse:
Em nossos dias, temos testemunhado um terrível declínio nos valores da Igreja: números têm se tornado mais importantes do que a mensagem; as igrejas estão oferecendo uma religião de “entretenimento” no lugar da pregação do evangelho puro; os pastores estão recorrendo à indústria de marketing para ajudá-los a atrair pessoas para Cristo. Até que tudo isto mude, até que retornemos à nossa chamada de irmos ao mundo, sem timidez, e pregarmos o evangelho, a Igreja corre o risco de perder seu impacto sobre a sociedade. E esta seria a maior perda que nossa geração experimentaria.
Publicado pela Editora Fiel

29 de jan de 2011

Evangelismo Bíblico - Ray Comfort e Kirk Cameron


25 de jan de 2011

Os dois senhores - Por amor a Deus ou ao dinheiro ? - Ray Comfort


23 de jan de 2011

Frases 42 - John Blanchard

"Não há remorso no céu, nem lágrimas de pesar, nem repensar, nem causas perdidas."

"O cristão deve demonstrar pela compaixão o mesmo interesse que demonstra pelas doutrinas."

" Os pecados ocultados pelo homem nunca são cancelados por Deus."

"Para muitas pessoas, Deus não passa de um vulto lá em cima. "

21 de jan de 2011

Ascetismo religioso - John Macarthur




Numa manhã de domingo, eu estava terminando de pregar quando, de repente, um homem se aproximou do púlpito, gritando em alta voz: "Eu tenho algo a dizer. Eu tenho algo a dizer!" Antes que os porteiros pudessem escoltá-lo para fora, o gravador captou o que ele gritara à congregação: "Vocês são falsos religiosos, hipócritas materialistas. Se vocês amassem mesmo a Deus, se livrariam de seus carros e casas luxuosas e dariam tudo o que têm aos pobres. Vocês serviriam a Deus na pobreza como o fez Jesus". Essa era a opinião dele a respeito de espiritualidade, e ele queria que todo mundo soubesse. Felizmente, esse tipo de comportamento é incomum. Mas esse conceito a respeito de espiritualidade não é nada incomum. Ele é chamado de ascetismo, e tem ameaçado a igreja por séculos. De fato, foi um dos heréticos aditivos sobre os quais Paulo advertira os cristãos em Colossos a evitarem:


Se morrestes com Cristo para os rudimentos do mundo, por que, como se vivêsseis no mundo, vos sujeitais a ordenanças: Não manuseies isto, não proves aquilo, não toques aquilo outro, segundo os preceitos e doutrinas dos homens? pois que todas estas cousas, com o uso, se destroem. Tais cousas, com efeito, têm aparência de sabedoria, como culto de si mesmo, e falsa humildade, e rigor ascético; todavia não tem valor algum contra a sensualidade.
(Colossenses 2.20-23)

19 de jan de 2011

O julgamento de Deus e o grande trono branco - Paul Washer


17 de jan de 2011

O Legalismo - John MacArthur


Há muitos anos, um colega da faculdade me disse: "Eu não acho que você seja uma pessoa muito espiritual".
Fiquei perplexo, porque ele não me conhecia o bastante para extrair aquela conclusão, então perguntei a ele porque dissera aquilo.

"Porque você não vai às reuniões de oração no meio da semana", ele respondeu.

"O que isso tem a ver com a minha espiritualidade?", perguntei. "Eu posso muito bem passar o dia e a noite em oração."

"Não", ele disse. "Pessoas espirituais vão às reuniões de oração."

Se ele tivesse dito que pessoas espirituais oram, eu teria concordado e confessado que eu necessitava orar mais fiel e fervorosamente. Mas condenar as pessoas por não manterem regras humanas e rituais religiosos é legalismo. Jesus encarou isso freqüentemente em seus conflitos com os fariseus. Paulo adverte sobre isso em Colossenses 2.16-17:

Ninguém, pois, vos julgue por causa de comida e bebida, ou dia de festa, ou lua nova, ou sábados, porque tudo isso tem sido sombra das cousas que haviam de vir; porém o corpo é de Cristo.

15 de jan de 2011

Se Deus é bom e poderoso, como coisas ruins acontecem? - Voddie Baucham

13 de jan de 2011

Frases 41


"Quando o "eu" não é negado, ele é necessariamente adorado."

"A doutrina do acaso é a bíblia do tolo."

"O álcool não torna as pessoas capazes de fazer melhor o que deve ser feito. Ele as torna menos envergonhadas de fazê-lo incorretamente."

"A maior e melhor coisa que pode ser dita acerca de um homem é que ele amou ao Senhor."

11 de jan de 2011

Precisa-se: Um Profeta Para Pregar Aos Pregadores - Leonard Ravenhill


Tentar fazer uma avaliação de João Batista pelos modernos padrões de espiritualidade seria o mesmo que tentar medir o sol com uma fita métrica. No Jordão, a multidão ansiosa indagou a respeito do recém-nascido:
 — Que virá a ser, pois, este menino?

E a resposta foi:
 — Ele será grande diante do Senhor.

Hoje em dia, a palavra “grande” se acha muito desgastada, pois confundimos proeminência com importância. Naquela época, Deus não estava à procura de sacerdotes, nem de pregadores, mas de homens. E havia muitos homens, como hoje, mas eram todos “pequenos” demais. Ele precisava de um grande homem para uma grande missão.

9 de jan de 2011

Igrejas Usando Meios Carnais Para Atrair Pessoas Carnais - Paul Washer

7 de jan de 2011

A Igreja Versus o Mundo - John MacArthur


Por que os evangélicos tentam cortejar desesperadamente o favor do mundo? As igrejas planejam seus cultos com o objetivo de agradar as pessoas que não freqüentam qualquer igreja. Artistas cristãs imitam todas os estilos efêmeros do mundo tanto na música como no entretenimento. Os pregadores estão horrorizados com o fato de que a ofensa do evangelho pode colocar alguém contra eles, por isso omitem deliberadamente partes da mensagem que o mundo não aprovara.

O evangelicalismo parece ter sido seqüestrado por legiões de porta-vozes carnais que estão fazendo o melhor que podem para convencer o mundo de que a igreja pode ser tão inclusiva, pluralista, mente aberta como as pessoas mais mundanas.

5 de jan de 2011

Casamento x Imagem de Cristo - Paul Washer


Muito edificante! Nunca ouvi uma mensagem assim sobre casamento.

3 de jan de 2011

Frases 40 - A. W. Tozer


"Enquanto o homem não passa por dificuldades com seu coração, provavelmente não sairá das dificuldades com Deus."


"Recuse-se a estar dentro da média geral."


"Num sentido os santos do Senhor são um povo à parte, pertencendo-se mutuamente de um modo em que não pertencem a ninguém mais."


"A cruz de Cristo é a coisa mais revolucionária que já apareceu entre os homens."

1 de jan de 2011

Esse Cristão Incrível - A. W. Tozer


O esforço feito atualmente por tantos líderes religiosos para harmonizar o cristianismo com a ciência, a filosofia e tudo que é natural e razoável, não passa, a meu ver, de uma falha em entender o cristianismo e, julgando pelo que ouvi e li, falha também em compreender a ciência e a filosofia.
No âmago do sistema cristão encontra-se a cruz de Cristo com o seu paradoxo divino. O poder do cristianismo se encontra em seu repúdio ao comportamento dos homens decaídos e não em sua aceitação do mesmo. A verdade da cruz se revela em suas contra-dições. O testemunho da igreja é mais eficaz quando declara em lugar de explicar, pois o evangelho é dirigido à fé não à razão. O que pode ser provado não exige fé para a sua aceitação. A fé repousa sobre o caráter de Deus e não sobre as demonstrações de laboratório ou lógicas.